Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2011

Ano Novo

Sempre que me deparo com um ano novo, fico na expectativa. É como se minhas forças se renovassem e meu coração se enchesse de esperança. Não é porque tivemos um ano ruim,  que o próximo também será assim. Porque talvez não seja. Quando o fim do ano se aproxima fico recordando tudo que vivi neste ano,  e é estranho ver o tanto que mudei. Espero que no próximo ano, o mundo seja melhor, que as pessoas se amem mais, que eu não perca ninguém na minha vida, que a compaixão, o amor fraternal e a caridade, possam invadir nossos corações, que aja menos guerras e conflitos, que o senhor continue guardando nossas crianças. E que por mais que isso seja um sonho, possamos viver em um mundo de Paz!!!
                                                                            Feliz Ano Novo, Muita Saúde e Paz!!!!!!!! Sara.

Hoje.

Hoje é um novo dia. Mas uma vez o sol vai sair. Mais uma vez nasce alguém e morre alguém  também neste dia, uns vão sorrir e outros vão chorar. Mais uma vez vamos nos levantar e a noite nos deitar novamente. Mas não pense que esse dia é igual aos outros, porque esse é diferente. 
Hoje haverá alguém que irá amar, como se hoje fosse o último dia do mundo.
Hoje alguém vai se apaixonar e alguém será pedida em casamento.
Hoje alguém passará fome e alguém pedirá a Deus 
que o ajude. Hoje alguém vai sofrer um acidente e hoje alguém estará triste e infeliz. Porque no mundo nem tudo é flores. Hoje alguém fará um verso e alguém escreverá uma musica de sucesso.
Hoje alguém vai andar na chuva  e alguém vai cortar o pé. 
Hoje vai abrir uma rosa  e o sol fará secar uma roupa. Hoje haverá uma festa e hoje alguém ficará muito bêbado. Hoje a terra vai girar e alguém vai se casar. Hoje pode acontecer tudo. É engraçado como nunca nos damos conta que ao nosso redor o mundo acontece. Escolha o que você vai faze…

Palavras

 As palavras saem da ponta da caneta como a água jorra de uma nascente .Não posso evitar. Uma frase, um acontecimento, um sentimento; tudo ao meu redor me inspira. Não é necessário forçar minha mente para que as palavras surjam . Elas vem como as gotas da chuva, caem do céu e ninguém as pode impedir. Da forma como estou ou como estarei, escrevo pela necessidade. Necessidade de me manter viva. É como o ar que respiro. É como a água que bebo. Assim são minhas palavras, só minhas de mais ninguém.
 Não é por elas que me comunico. Mas é por elas que mostro ao mundo como me sinto.


Sara.

A música

Ouço o som de uma música e ela ecoa em meus ouvidos.
Lembra-me sua voz. 
Lembra-me a batida do seu coração.
 Em um compasso interminável, escuto a melodia tocada ao piano.
 As notas ecoam em minha cabeça, mas não posso tocá-la.
 E mais insistente se torna a melodia .
 Não posso produzir nada, não possuo talento para isso. Vim ao mundo sem o talento para instrumentos.
Mas essa melodia me invade.
meus dedos dedilham o piano, e este emite notas desconhecidas, de uma canção desconhecida, de autor desconhecido. Que não toca instrumento algum.
E como uma criança deslumbrada diante de algo novo, me vejo acariciando um piano, admirada pelo som que produzo. Assim as notas desaparecem , como surgiram do nada, ao nada retornaram. Breve muito Breve essa minha carreira de musico...
Sara.

Na praça

Me sentei em seu colo                                                     deitei minha cabeça em seus ombros,                         como se fosse uma criança.                                        
Ali só existia eu e você.                                                   Passava a mão nos meus cabelos,                             como se eu estivesse chorando.                                 Você era o meu refúgio e naquele instante me protegia, eu fechava meus olhos com medo que aquele sonho acabasse, mas não adiantou                 durou poucos instantes, te encontrei naquele momento que precisava de alguém e você foi a pessoa que me amparou. Me segurou pela mão, e me guiou, até a luz do meu túnel escuro. Não soube o quanto importante foi aquele gesto. Não sabe o tesouro que esconde dentro de si.    Que pena que não vai descobri-lo.                                                                                                       Para sempre essa lembrança estará em minha mem…

POETA

Hoje caminhei pela chuva com meus pés no chão, sentindo as gotas d'água no rosto e a terra na palma dos meus pés. 
O frio percorria o meu corpo e minha pele se arrepiava , imaginava onde estaria voce, e porque sua imagem permanecia na minha memória.
Me sentei na calçada molhada e as gotas d'água escorriam do meu corpo e perdida olhava, as nuvens  que passavam no céu, traziam formas estranhas, e pensava:''existirá alguém no mundo que também olhe as nuvens como eu?''. Não consigui achar resposta, a criação de Deus é tão bela, que inspira, acalma, regenera a alma, o espírito e o coração. O que posso fazer sou POETA, não me criei , nem me tornei POETA, mas, nasci POETA.
    A Poesia é o sangue que percorre minhas veias,e minha mente é um grande livro a ser escrito, meu coração é minha fonte de inspiração, minha fonte de sentimentos. Aonde quer que eu vá, aonde quer que eu esteja so POETA.
E escrevo porque as palavras são a razão de um POETA, um caminho do qual não m…

ACASOS

Te vi apenas uma vez
Te olhei por apenas um instante.
Não sei seu nome , nem endereço , nem telefone .
Mas não te esqueço.
Encontrei seu olhar perdido no meu ,
segui seus movimentos, com os olhos concentrado.
Pareceu constrangido, acuado , perdido.
Sinto a dor do sentimento  que  eu não senti.
Te encontrei, me encontrei , e nos perdi.
A sua face desapareceu da minha memória.
Devo te-la perdido no abismo do meu medo,
se vou encontra-lo de novo não sei.
Mas te espero no mesmo lugar que um dia eu te vi,
sentado na janela, no último banco do ônibus,
olhando pra fora, olhando pra mim.

sara.

ARQUEIRO

{Esse poema eu escrevi em uma época triste da minha vida.}
Antes que você perceba  vou desaparecer da sua vida e antes que imagine não vai sentir minha falta. Não vou lamentar isso. É duro saber a verdade, mas é  melhor do que viver uma mentira. A sua flecha foi certeira.  Perfurou fundo meu coração.  E eu só senti a dor depois que tinha me apaixonado.  Não te culpo. Foi eu que não quiz, vou ver o seu amor e vou falar com ele,  e vamos conversar e ele vai me dizer tudo.  E não vou sentir inveja, vou ficar feliz.  Encontrou o que queria descobriu o que sentia e assumiu.  Virei a página , e não  a deixei  marcada.  É o começo da sua jornada e o fim da minha.  Antes que o mundo acabe , vou encontrar alguém.  Alguém que vai preencher o vazio que você deixou .  O Vazio  que a sua flecha causou.
sara.
antes  de  iniciar minhas postagens um breve apresentação.Me chamo sara. Irei publicar neste blog meus poemas e poesias peço a vocês calma e comentários sobre tudo que eu escrever. Agradeço aos que lerem e aos que não lerem. obrigada.