Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2012
E  a vida continua me levando a caminhos desconhecidos, mas aqui dentro a solidão cresce  e se espalha, espero que na próxima rua que eu chegar encontre algo que me faça feliz...










Sara.






Os sonhos na vida.

É pena que quando acordamos os sonhos não sejam nossa realidade. Às vezes na vida paramos para refletir,  para saber qual passo dar,  para saber como prosseguir. Aqui, estou pensando no que vivemos, ou pelo menos, no que acho que vivemos. Às vezes penso que sou ingênua, pois acredito no amor e na felicidade e penso que isso poderia  até ser verdade, mas no mundo em que vivemos, talvez isso nunca vire realidade.  Meus desejos são como sonhos bons, que sonhamos, sonhamos... e nunca paramos de sonhar. É fato não nego, que a vida seria mais fácil
se pudéssemos realizar todos os sonhos que temos. Mas é como dizem siga em frente,  não pare, avance, prossiga, porque um dia você chega lá, afinal o futuro nos espera, sempre. Mas a vida não espera por ninguém , e é com ela que devemos nos preocupar,  mas ainda assim, nada de nos poupar, devemos viver a flor da pele,  por que as coisas banais ficam para trás e é por isso que eu avanço
sem voltar  jamais.
Sara.

Depois da perda....

Apertei-lhe as mãos, estavam geladas,
toquei o seus lábios, estavam trêmulos,
senti o seu coração, estava parado,
minha esperança era que abrisse os olhos.
O cabelo arrumado, a calça rasgada,
os olhos fechados e a cabeça baixada.
Não descrevo a dor que senti, é impossivel.
Tínhamos em mente um sonho,
uma quase relidade,
tínhamos uma casa pronta,
uma quase felicidade.
Ignoro a visão de tal cena,
mas ela vem a minha mente, todo instante.
Ignoro a saudade, mas ela vem, a todo momento.
Havia uma voz que brandava aflita, era minha. Minha voz. Não minto seria pior, não o toco mais, 
não o sinto mais,
não o vejo.
Desprezam-me porque sou triste, ignoro-os, porque a tristeza é maior em mim.
Levaram tudo de mim, tudo que eu tinha, restou-me a vida, a única que sobrou,
tratarei de não decepcioná-la, e prometo á ele que serei feliz.
se ainda  for possível.

Sara.

Em algum lugar...

Em algum lugar do mundo.
alguém tem aquele sonho novamente.
Em algum lugar do mundo,
estamos sonhando um com o outro,
esse encontro de sonhos é tão depressa ,
eu estou correndo pelas ruas e você também,
você sente a falta de algo e eu também,
estamos desesperados por esse amor, sabemos do fundo da alma,
que vamos nos encontrar,
a vida esta nos afastando,
é horrível esta espera,
ficar te aguardando,
espreitando em cada rua, em cada olhar,
em cada sorriso,
procurando o seu.
Eu estou me afogando e preciso do seu ar.
estamos nos procurando,
mas não nos encontramos,
você me procura, eu te espero, você me espera e eu te procuro,
parece interminável essa busca,
esse desencontro.
Em algum lugar do mundo
temos o mesmo sonho
E em algum lugar do mundo,
vou te encontrar,
você vai me achar,
e juntos nós vamos......sonhar.

Sara.

Um ano sem chuva ( selena gomez)

Você pode me sentir,  Quando eu penso em você,  A cada suspiro que eu dou Cada minuto,  Não importa o que eu faça  Meu mundo é um lugar vazio sem voce.
Como se eu estivesse vagando pelo deserto 
Por mil dias,  Não sei se é uma miragem,  Mas eu sempre vejo o seu rosto.
Eu estou sentindo muito sua falta 
Não posso fazer nada, estou apaixonada,  Um dia sem você é como um ano sem chuva Eu preciso de você ao meu lado,  Não sei como vou sobreviver  Mas um dia sem você é como um ano sem chuva
As estrelas estão queimando, 
Eu ouço sua voz na minha mente, Você não me ouve chamando? Meu coração está suspirando,  Como um oceano que está secando  Segure-me se eu estiver caindo.
É como se o chão desmoronasse sob os meus pés, 
Você não vai me salvar  Vai ter uma chuva intensa  Quando você voltar para mim .
Então deixe esta seca acabar E a flor do deserto crescer novamente  Preciso de você aqui, não sei explicar  Mas um dia sem você é como um ano sem chuva.
Composição: Lindy Robbins, Toby Gad