Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2013

Amor Humano.

Sem rumo busco o seu caminho, porque o meu já não me basta, quero te olhar nos olhos e dizer que seu abraço me conforta e que só de te ver meu olhar se perde nos seus olhos. Quero viver sem me enganar mas meu sorriso disfarça a vontade que tenho de te tomar em meus braços e beijar seu rosto e sumir com seus temores. Questionamentos me tomam e queria suas respostas porque você parece que não se conhece e eu  descubro sua alma todos os dias. Não posso me enganar o amor humano é uma prisão, mas se eu sei disso porque não consigo me afastar? porque insisto em querer saber se você está bem, ou se está feliz, porque me preocupo tanto com alguém que se quer sabe quem eu sou. O amor humano é estranhamente incompreensível e dominador, te arrebata, te prende, e se quer te dá chance de defesa.

Sara.

Resiliência.

Resiliência: capacidade que o individuo tem de passar por muitos problemas na vida e ainda continuar de Pé, sem se deixar influenciar e trilhando o caminho do bem.

Fico me perguntando se tenho essa capacidade.
Sei que já passei por muitos obstáculos na vida
e que ainda tenho muito o que enfrentar.
Por outro lado me pergunto será que sou forte
mesmo? ou de tanto usar essa máscara
me tornei ela.
Sei que há muitos sentimentos que escondo,
sufoco e que simplesmente ignoro para não ultrapassar os limites.
Me questiono pra saber se realmente não sou um perigo para eu mesma,
ou para o mundo.
Não sei se quero descobrir essa resposta,
pois tenho medo de ter me enganado todo este tempo,
achando que eu tenho controle sobre mim.
Alguém de fora olha para o que já passei e tenho certeza que ele/ela pensa que tenho resiliência.
Mas não sei se o que eu tenho devo chamar de resiliência,
pra mim sempre foi um desejo de ser e de agir diferente,
ou de não ser igual ao que eu acho errado.
Enquanto a másca…

Sentimento estranho

É estranho me sentir assim.
Não consigo colocar em palavras meu sentimento, às vezes sinto uma enorme saudade de alguém que vejo todos os dias. Não consigo definir esse sentimento estranho que habita meu peito, não consigo compará-lo com nenhum outro que eu já tenha sentido. Tento me desfazer dessa confusão, mas eu não consigo. Não quero te falar, mas seu abraço me conforta de uma maneira que jamais outro abraço confortou. Queria te conhecer melhor, pois já te admiro desde a primeira vez que te vi. Queria que você me contasse como é a sua vida, do que você gosta e queria saber se você é feliz. Eu quero te dizer que me enxergo em você, e que só de saber que você está bem   já me sinto feliz. Me perdoe, acho precipitado tudo que sinto, mas não consigo evitar esse sentimento. quero te dizer que eu tento me desfazer desse sentimento todos os dias, mas a todo instante ouço sua voz e te enxergo nas outras pessoas. Eu queria te perguntar como faço pra te esquecer, mas eu não tenho coragem.
S…

Acordando em 1, 2, 3...

"Hoje acordei assustada
com a pele maculada
pelos tiros de borracha
que atingiam meus irmãos.

Hoje acordei assustada
pela violência fardada
a cavalgar pelo asfalto
afagando, com o cassetete,
a dignidade já violentada
de uma multidão.

Hoje acordei com gritos
emudecidos -

Raptos,
mordaças,
truculência,
sumições,
camburão.

Hoje acordei com a
passagem inflacionada:
3,00 + 0,20 por
assentos depredados
trânsito demorado
e hiperlotação.

Hoje acordei assustada
Vi fantasmas da ditadura
tomando as ruas
explodindo autoridade
bombas de gás fiéis ao
brasão.

Hoje vi a alteridade se perder
o seu encizentar
o presente entristecer.

Hoje vi tanta coisa que
precisaram interromper
porque o que eu vi
ninguém mais
deveria ver.

E antes das seis escureceu.
Pimenta nos olhos a cegar
Sem o susto interromper.

Será que somos tão jovens
para não lembrar e tão
velhos para esquecer?

Que a gente não se deixe vencer: ditadura não."
Créditos: CADir-UnB

Li esse texto no Facebook e o achei incrível. Acho que o p…

Linhas.

Nas linhas do coração,
não há sim, não há não.
Elas seguem sem rumo,
em busca de amantes para enlaçar e prender.
Não as siga, elas tem de vir até você.
As linhas do coração na sua mão
e você não consegue enxergá-las,
mas elas estão lá,
te puxando até alguém,
te atraindo como o ímã atrai o ferro.
Você está indo ao encontro de alguém.
Linhas vermelhas que ligam destinos,
assim são as linhas do coração.
Vá é seguro,
mas se prepare pois o amor também pode decepcionar.
Elas te enlaçaram,
deixe-se conduzir
por essas linhas e entregue-se
pois" (...) que não seja imortal, posto que é chama,
mas que seja infinito enquanto dure."

Sara.
Feliz Dia dos Namorados. :)



Lamentações.

Ela é como o  vento que perpassa todas as pessoas sem nunca repousar.
Sonhei, sonhei,
e ao acordar estava só novamente.
Uma parte de mim não se desprende do abraço da solidão,
e a outra parte se atormenta por considerar esse abraço sufocante.
Não acredito que na chegada dos dias frios
sinto vontade de  me envolver em um abraço humano,
caloroso que me envolva e me guarde.
De que vale tais sentimentos se não me enxergo
no futuro com alguém.
Tal possibilidade me revolta,
quero ter uma suposta liberdade
que não tenho agora.
Não quero me prender a alguém,
quero amar e me sentir amada,
com a sensação de plenitude que supostamente
um amor trás.
Enquanto essas sensações de confusão,
de abandono, de solidão, de desapego e desinteresse
me tomarem, de nada adiantará sonhar, sonhar e acordar só.
Nunca me deixe ir, nunca me deixe ir
a solidão sussurra ao meu ouvido.
Ela está querendo permanecer ao meu lado eternamente,
mas será que eu quero isso?
Um outro sentimento insiste em não me deixar,
essa …