Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2014

Minhas Lágrimas Impuras...

Deixo minhas lágrimas caírem no chão.
Elas estão sujas de raiva,
desprezo e ódio.
Sinto uma dor no peito
e um vazio imensurável.
Eu só queria não ter
tais sentimentos,
me sentir digna.
Sinto-me incompreendida,
oprimida e humilhada.
Eu só quero ficar só
no silêncio de um lugar vazio,
longe daqui.
Eu só queria sentir paz.
Parece que é pedir muito.
Às vezes desejo um abraço,
mas não peço a ninguém.
Afinal, não me sinto digna.
Escondo minhas lágrimas sujas
no escuro do meu quarto.
Sufocando meu desabafo,
sufocando meu ser.
As fronteiras que  me cercam
não me dizem nada,
não me prendem
e não me libertam.
Eu sou a chave de meu próprio sofrimento.
A minha não existência sufocante.
O meu grito contido,
trancafiado nos meus labirintos
de sofrimento.
Eu sou perdida
nos caminhos de ódio
que me oprimem.
Eu quero voar
e ajudar outros pássaros presos
como eu a se libertarem das amarras
de sentimentos que nos destroem
por dentro.
Minhas lágrimas impuras sempre me torturam
no silêncio.

Sara.

Eu olhei pra você e você olhou para o caminho.

Eu olhei pra você e você olhou para o caminho.
Eu não sei, eu não posso ir.
É difícil seguir esse caminho,
mas escutei sua voz.
Tenho medo de cair,
mas o tempo me arrasta para os braços de alguém desconhecido.
Me solte, pensamentos me torturam.
Não deixarei me alcançar.
Eu olho pra você,
não consigo desfaçar.
Me diga o que fazer,
ouço sua voz constantemente.
Estou andando em círculos,
eu olho pra você e você olha para o caminho.

Marcelo Camelo e Mallu Magalhães - Janta

Janta 

Compositores: Marcelo Camelo e Mallu Magalhães.

Eu quis te conhecer mas tenho que aceitar
Caberá ao nosso amor o eterno ou o não dá
Pode ser cruel a eternidade
Eu ando em frente por sentir vontade

Eu quis te convencer mas chega de insistir
Caberá ao nosso amor o que há de vir
Pode ser a eternidade má
Caminho em frente pra sentir saudade

Paper clips and crayons in my bed
Everybody thinks that I'm sad
I take my ride in melodies and bees and birds
Will hear my words
Will be both us and you and them together

I can forget about myself trying to be anybody else
I feel allright that we can go away
And please my day
I'll let you stay with me if you surrender

Todos caminham...

Todos caminham por um vasto lugar,
que possui apenas uma via.
À procura de alguém, de algo.
Alguns tem absoluta certeza
do que procuram.
Outros seguem alguém que os guia.
Além destes, há outros que perdidos
também caminham.
Há aqueles que por curiosidade seguem com todos
simplesmente pra ver onde vai dar o caminho.
Há aqueles que por medo de seguir
ficam no caminho,
mais perdidos do que os que seguem?
Há os que correm.
Eu já estou caminhando
e como os outros também não enxergo o fim da estrada.
O que será de nós pobres almas que caminham?
Não é possível retornar,
uma vez que se inicia o caminho.
Dê-me sua mão, vamos caminhar juntos.

Vida, a metáfora do caminho.

Sara.

Meu Todo.

Você é todo o amor perdido.
Todo amanhecer por vir.
Todo luar que vi.
Toda chuva que banhou meus cabelos.
Todo calor que toca minha pele.
Todo o vento a soprar meu rosto.
Você é minha infinidade de mundos
em um  único ser.
Você é toda metáfora que escrevo.
Todo o desabrochar de rosas negras no fim do mundo.
Você é meu espelho.
Minha angústia.
Meu olhar.
Você não tem explicação.
Você foi meu passado.
É meu presente.
Será meu futuro?
Você é meu todo e meu fim.
Meia parte de mim.
É você,
somente você,
que me basta.

Sara.

Pequeninos Pensamentos que correm.

Cabeça cheia
de Pequeninos pensamentos,
Arrogantes que deprimem.
Olhares sublimes de pessoas
que me cercam.
É real?
Eles fugiram,
todos saíram.
Pequeninos pensamentos,
seus sonhos são grandes,
não posso contê-los.
Saíram de mim?
Insistentes pensamentos,
que ora deprimem, ora alegram.
Cabeça vazia,
faz alguns dias,
não muitos, poucos,
subi em uma árvore,
mas caí,
não doeu o corpo,
mas alma feriu-se,
senti como se me expulsasse dela.
Será que no fundo ela queria me dizer algo?
e eu apenas não compreendi?
Lamento pelo seu infortúnio,
sinceramente eu estava os procurando.
Pensamentos pequeninos,
seus sonhos são grandes demais para o mundo.
Será que algum dia retornarão?
Pequeninos pensamentos,
o mundo é vasto demais,
não pode-se lidar com ele sozinho.
Deixe-me ajudá-los.
Na vila abaixo da montanha há um banco,
que costumo me sentar à noite,
pois é deserto e ninguém me importuna.
Pequeninos pensamentos
que como o vento
ressoam pela cabeça das pessoas.
Pequeninos Pensamentos que correm
para…